domingo, 19 de outubro de 2008

Abrótea com molho de tomate

Baseada nas dicas da minha amiga Dulce e em mais algumas receitas que vi por ai, o almoçinho de hoje saiu assim: delicioso, fácil e muito rápido de fazer.


Photobucket




Tinha cá abrótea, que esteve no outro dia com desconto num hipermercado qualquer...Não sabia bem como cozinhá-la, embora a indicação do pacote fosse: fritar! ......Isso é que não! A alternativa foi esta e ficou aprovada. Hei-de experimentar com lombinhos de pescada!

Temperei o peixe com sal, pimenta e oregãos umas horas antes. Depois, fiz um refogado com azeite, alho e cebola. Coloquei as postas dentro do tacho, juntei uma lata de tomate partidinho aos bocados, um pouco de vinho branco, coentros picadinhos, mais oregãos e rectifiquei de sal e pimenta. Deixei estufar enquanto fiz um pure de batata para acompanhar. Foi rápido e ficou muito bom! Um óptima alternativa para fazer mais umas refeições de peixinho!

Pensamento do dia: Não é nada parecido com atum!!!

3 comentários:

BCorrêa disse...

eu costumo fazer a abrotea no forno como qualquer outro peixe. Como é parecida com a pescada podes sempre fazer adaptar as receitas de pescada para a abrotea.
Boa Semana e beijinho grande

Smas disse...

Deve ter ficado uma maravilha.
Bjs

maria silva disse...

ola! nas minhas pesquisas alimentares dscobri esta receita e o teu blo. vou jantar agora a tua receita de abrotea!
Maria Silvae